Rodoviários da RMS ameaçam entrar em greve por tempo indeterminado

0
Foto: Reprodução / Urbaianos

Na manhã desta segunda-feira (21), o Sindicato dos Rodoviários Metropolitanos (Sindmetro) e as empresas de ônibus se reuniram em uma assembleia para debater as reinvindicações da categoria.

Na última semana, os rodoviários pararam as atividades por 24 horas. Pelo menos 30 mil moradores das cidades metropolitanas de Salvador dependem dos coletivos diariamente. As paralisações começaram após a BTM não tirar os ônibus da garagem por falta de combustível, na última segunda-feira (14).

A categoria pede:

A divisão da tarifa da integração igualitária, 50% para o metrô e 50% para os coletivos
Além disso, está em pauta a contratação da empresa que vai circular no lugar da BTM
O pagamento de salário dos funcionários da BTM
A possibilidade de empregar os funcionários a Viação Sol de Abrantes (VSA), que suspenderam as atividades da região Metropolitana de Salvador (RMS).
Os rodoviários ameaçam entrar em greve por tempo indeterminado na próxima quarta-feira (23), caso não haja um acordo com a Agência Estadual de Regulação de Serviços Públicos de Energia, Transportes e Comunicações da Bahia (Agerba).

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.