Prefeito de Candeias apresenta Plano de trabalho no Ministério da Integração

Por Redação
2 Min

O prefeito Sargento Francisco, compareceu, nesta quinta-feira (21), ao Ministério da Integração Nacional para apresentar o Plano de Trabalho com detalhamento de todos os danos causados pelas chuvas em Candeias desde o dia 08 de abril. “O Plano de Trabalho é a peça fundamental para que o Ministério analise a situação do município e a partir disso monte um cronograma de prioridades e a realize a liberação dos recursos para a execução das obras”, afirmou o prefeito.

Desde a publicação do Decreto de Situação de Emergência nº 17/2015, no dia 12 de abril, o prefeito esteve quatro vezes em Brasília reunido com o ministro das Cidades, Gilberto Kassab, o ministro da Integração, Gilberto Occhi, além de encontros com o senador baiano Otto Alencar e deputados federais. “Estamos buscando apoio e recursos em todas as esferas de poder para restabelecer a normalidade na nossa cidade que hoje enfrenta, além de problemas com deslizamentos e alagamentos a danificação de dezenas de vias públicas”, concluiu o prefeito.

Na oportunidade, o prefeito Francisco também participou de uma audiência no Ministério das Cidades para discutir a situação da autorização da Caixa Econômica para a retomada das obras da Vila Benedito no Sarandi.

Auxilio com recursos próprios – Famílias do município de Candeias que tiveram suas casas danificadas e interditadas em razão das últimas chuvas receberam o auxílio emergencial no valor de R$ 250 e cestas básicas na manhã desta terça-feira (19). A entrega ocorreu na sede da Secretaria Municipal de Desenvolvimento e Assistência Social, após análise cadastral e emissão de laudo técnico da Defesa Civil.

A concessão do auxílio emergencial foi estabelecida pelo Decreto nº 18/2015, publicado no Diário Oficial do Município no dia 15 de abril, sendo destinado à provisão de meios de subsistência aos desabrigados e desalojados em decorrência das recentes chuvas. O auxílio poderá ser fornecido por até três meses, podendo ser prorrogado por mais três, caso permaneçam inalteradas as condições que autorizaram a concessão do benefício.

Compartilhe Isso
- Advertisement -