Rascunho automático

Conflito Bélico Expõe Furor Israelense em Retóricas Armadas

Por Redação
2 Min

As forças especiais de Israel entraram novamente em conflito com o grupo separatista palestino, o Hamas nessa manhã (dia 19).

Continua depois da Promoção
Israel bombardeia e destrói edifícios na Faixa de Gaza.

 

O conflito cujo período de tempo já ultrapassa os seis dias, já deixou mais de 100 mortes, a maioria, moradores da Faixa de Gaza local de grande reduto político extremista Palestino.
Durante esse período de intenso bombardeio (principalmente vindos do território Israelense) a população da Faixa de Gaza sofre com a escassez de alimentos e ajuda humanitária devido ao embargo imposto por Israel com a justificativa de promover a segurança do Pais,em que conota  a suposta carga humanitária seja na verdade ajuda bélica para o grupo Hamas.
A organização das Nações Unidas (ONU) e o Egito tentam de todas as maneiras pacífica interceder um cessar fogo entre ambos os lados, contudo no decorrer das negociações tanto Israel como o Hamas permanecem decididos a continuar essa penúria diplomática.
A desproporcionalidade do conflito é um grande embate sobre os especialistas, pois de um lado Israel, um pais que retém apoio de grande parte da Europa e detém um alvará de ajuda bélica vindo dos EUA, do outro a Palestina um pais fraco,desfragmentado e que fica totalmente a mercê de embargos políticos vindo do seu vizinho e maior rival que é Israel.Contudo grande parte da comunidade internacional deseja reconhecer a soberania do estado Palestino e assim poder amenizar esses terríveis conflitos que destrói famílias e vidas palestinas e israelenses.

Compartilhe Isso
- Advertisement -