Vídeo: Presidente do Sport admite compra de jogadores no Brasileirão 1987

Por Redação
2 Min

Na terça-feira (14), durante entrevista ao programa Léo Medrado e os Traíras, o ex-presidente do Sport na conquista do título Brasileiro de 1987, Homero Lacerda, discorreu sobre alguns bastidores do clube naquela época. Lacerda revelou que adquiriu a arbitragem de um jogo do presidente do Náutico, Antônio Amante, em um campeonato Pernambucano.

De acordo com ele, o Leão da Ilha vinha sendo prejudicado nas partidas, o que o levou a elaborar estratégias para evitar que isso continuasse ocorrendo.

“Comprei várias pessoas. Nos primeiros cinco anos no futebol, eu pensava que isso não existia. Porém, comecei a ser prejudicado. Então, fiz uma promessa aos torcedores: ‘O Sport nunca mais será roubado. Criei um esquema, contratei os melhores agentes nesse ramo de negociação, trouxe quatro para trabalhar comigo”, afirmou o ex-presidente.

Aprofundando-se na negociação com o árbitro, Lacerda revelou ter gravado a conversa do bandeirinha com o presidente do Náutico, na época Antônio Amante, e coberto o valor oferecido.

“Gravei uma conversa entre um bandeirinha e o presidente do Náutico, meu amigo Antônio Amante, combinando valores. Disse: ‘Estás se vendendo por tão pouco, mereces o triplo disso’. O cara sorriu de orelha a orelha. Comprei-o para assegurar que bandeiraria sem erros. Se houvesse dúvida, seria a favor do Sport”, explicou.

Na sexta-feira (17), a Segunda Turma do STF formou maioria em favor do reconhecimento do Sport como campeão brasileiro de 1987, título até então dividido com o Flamengo, que tem a opção de recorrer da decisão ao Pleno do Supremo, podendo agora anexar as revelações do ex-dirigente pernambucano ao processo.

Compartilhe Isso
- Advertisement -