Preso suspeito na morte do guitarrista do Afrocidade

Por Redação
2 Min

Mais um suspeito de envolvimento no assassinato de Flávio de Oliveira Silva, conhecido como Fal, foi preso pela Polícia Civil na manhã desta quinta-feira (20). Três mandados de prisão foram cumpridos no âmbito das investigações sobre a morte do músico, que era guitarrista do Afrocidade.

Um dos homens presos teve participação direta no homicídio e foi capturado no bairro Nova Vitória, em Camaçari, pelas equipes do Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP).

‘Fal’, de 32 anos, foi linchado em 24 de maio. O primeiro envolvido em sua morte foi preso pela Polícia Civil no dia 4, também no bairro de Nova Vitória. A principal linha de investigação sobre a motivação do crime é uma dívida com o tráfico de drogas.

Outros dois homens, comprovadamente ligados a homicídios e tráfico de drogas, foram presos nos bairros Phoc e Piaçaveira, em Camaçari. Mandados de busca e apreensão também foram cumpridos nas cidades de São Francisco do Conde, Arembepe e Arcos (MG), contra uma organização criminosa envolvida na comercialização de entorpecentes.

Equipes da Coordenação de Operações e Recursos Especiais (Core) participaram das ações. Celulares foram apreendidos, podendo indicar a ligação de outras pessoas na morte de Fal, juntamente com uma pequena quantidade de maconha.

Compartilhe Isso