Otimização de extração de compostos bioativos de resíduos agrícolas para produtos cosméticos e alimentícios: processo eficiente e sustentável

Processo inovador desenvolvido pela Universidade Estadual de Campinas (Unicamp) utiliza o mel de abelhas sem ferrão para extrair de forma mais eficiente teobromina e cafeína das cascas de amêndoas de cacau, compostos aplicáveis em produtos alimentícios e cosméticos.

Leia mais

Essas cascas são naturalmente ricas em teobromina e cafeína, mas os métodos tradicionais de extração costumam envolver solventes prejudiciais à saúde e ao meio ambiente, além de serem complexos e demorados.

Leia mais

A invenção, liderada por pesquisadores da Unicamp, propõe um método de extração auxiliado por ultrassom de alta intensidade, utilizando o mel de abelhas sem ferrão como solvente natural. Esta abordagem elimina o uso de solventes orgânicos prejudiciais, simplificando o processo de extração, reduzindo o tempo necessário e tornando-o mais sustentável.

Leia mais

A teobromina é um estimulante do sistema nervoso central encontrado no cacau, e a cafeína possui ação semelhante, porém mais suave. Tradicionalmente, esses resíduos agrícolas são descartados ou subutilizados, mas a extração desses compostos permite reduzir o volume de resíduos, promovendo a economia circular e mitigando o impacto ambiental do desperdício.

Leia mais

A utilização do mel de abelhas sem ferrão como solvente apresenta benefícios à saúde, como propriedades antibacterianas, antioxidantes e nutritivas. Além disso, enriquece o produto final com um potencial único de utilização em uma variedade de produtos alimentícios e cosméticos. A técnica de extração assistida por ultrassom em conjunto com o mel de abelhas sem ferrão aumenta a eficiência do processo, resultando em extrações mais rápidas e com maior rendimento de teobromina e cafeína. o que simplifica o processo.

Leia mais

O depósito da patente no Instituto Nacional de Propriedade Industrial (INPI) foi realizado em março (nº BR 10 2004 005638 8).

Leia mais

Informações da Agência FAPESP

Leia mais

Gostou deste story?

Aproveite para compartilhar clicando no botão acima!

Visite nosso site e veja todos os outros artigos disponíveis!

Candeias Mix - Notícias de Candeias, Bahia e do Mundo