Escritora candeense apresenta obra na bienal internacional do livro em São Paulo

0

Desde o ano passado, quando lançou sua primeira obra, intitulada “Sem Medo Me Atrevo”, a escritora candeense e engenheira mecânica, Ingrid Brito, 33 anos, têm se destacado na literatura do município. No dia 07 de julho, a autora marcará presença em um dos tão concorridos estandes da feira Bienal Internacional do Livro em São Paulo.

Em entrevista realizada à nossa redação, a escritora relatou que o desejo por escrever nasceu na adolescência, onde era possível transformar a sua imaginação em versos e transportá-la para uma folha de papel.

CONHEÇA O LIVRO 

O livro de poesias publicado por Ingrid Brito, é dividido em quatro partes (A viagem; Em lockdown; Sentimentos distintos; Carnem levare). São poemas inspirados por vivências da própria autora em diferentes fases da sua vida. Como exemplo, citamos poemas relacionados a fase doce da adolescência, bem como o momento pandêmico, onde relata acerca do distanciamento das pessoas que amamos e que se configurou numa etapa em que foi preciso ter fé para suportar conflitos cotidianos.

“Eu consegui imprimir essa variedade de sensações, com fases pontuadas, descrevendo de fato, uma volta por cima que a vida pode nos proporcionar”, relatou Ingrid.

A escolha do título do livro Sem Medo Me Atrevo, foi pensada em obter um tema impactante, que mobilizasse a quem tenha acesso às páginas da obra, uma verdadeira revolução rumo a realização dos seus sonhos e também na coragem de expor seus mais profundos sentimentos.

“Ter a audácia de expor sentimentos na cidade em que você vive, é ser destemida e segura, além de esperar as críticas e leva-las como construtivas para a sua vida e para os seus próximos trabalhos”, disse a escritora.

O Livro Sem Medo Me Atrevo desperta a importância de ter coragem para lutar pelos seus sonhos, mesmo em meio as dificuldades. Sendo ele o amor impresso em poesias, com versos de perseverança e características de fases diferentes, que vai da inocência da juventude à maturidade de mulher, a autora busca de modo suave tratar de temas que fazem parte da vida de todas as pessoas, mostrando a leveza de ser quem é, sem perder a essência de ser forte e ser mulher.

INSPIRAÇÕES 

Ingrid Brito, afirmou que se inspira em escritores como Paulo Coelho, Jorge Amado, Clarice Lispector e a poeta Portuguesa Florbela Espanca. Além de relatar a sua grande admiração pelo escritor candeense, professor Jair Cardoso, que a incentivou no projeto.

COMO ADQUIRIR O LIVRO 

Para conhecer mais sobre o trabalho, o livro da autora pode ser adquirido pelo Instagram: @100medo_meatrevo e o e-book pode ser encontrado através das plataformas digitais: AMAZON e HOTMART.

Você também pode ler o livro gratuitamente na Biblioteca Municipal Professora Dalila Baptista. Candeias-Ba.

Vale apena conferir a obra da mais nova artista da região metropolitana de Salvador, mais uma candeense no cenário da literatura nacional.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.