Leandro de Jesus é flagrado pulando muro do Hospital do Oeste em Barreiras

Por Redação
3 Min

O deputado estadual Leandro de Jesus (PL) foi flagrado pulando um muro para entrar nas dependências do Hospital do Oeste, em Barreiras (BA), na manhã desta segunda-feira (22/4). O ato foi gravado por funcionários e profissionais da unidade de saúde.

Em um comunicado enviado à imprensa, Leandro afirmou que a “invasão” se deu para denunciar um possível não funcionamento da Unidade de Alta Complexidade em Oncologia (Unacon) de Barreiras.

Segundo o deputado, a unidade, inaugurada em 2022, estaria sem funcionar. Ele teria ido até o local para monitorar a situação, mas teria sido impedido por seguranças do hospital.

O vídeo que circula nas redes sociais mostra o momento em que Leandro de Jesus pulou o muro do hospital, sendo flagrado pelos presentes. A atitude do deputado gerou polêmica e repercussão na cidade de Barreiras.

Em sua defesa, Leandro alega que a sua intenção era verificar a situação da Unacon, que estaria fechada mesmo após sua inauguração. Ele afirma que recebeu denúncias sobre o funcionamento precário da unidade e decidiu agir.

No entanto, a direção do Hospital do Oeste emitiu uma nota repudiando a atitude do deputado, destacando que a entrada irregular no estabelecimento é uma violação das normas de segurança e privacidade dos pacientes.

O caso repercutiu não apenas localmente, mas também em âmbito estadual, com diversos políticos e autoridades se posicionando a respeito do episódio envolvendo Leandro de Jesus.

O Ministério Público Estadual anunciou que irá investigar o ocorrido, a fim de apurar se houve alguma irregularidade por parte do deputado ao adentrar o hospital de forma não autorizada.

Por sua vez, Leandro de Jesus afirmou que está à disposição das autoridades para prestar esclarecimentos e colaborar com as investigações. Ele reiterou que sua intenção era apenas verificar a situação da Unacon e que não teve a intenção de desrespeitar as normas do hospital.

Enquanto o caso segue em análise, a população de Barreiras se divide entre apoiar a atitude do deputado, por expor uma possível situação de descaso na saúde, e criticar a forma como ele agiu, desrespeitando as regras de segurança do hospital.

A discussão sobre a conduta de Leandro de Jesus segue em pauta, levantando questões sobre os limites da atuação política e a necessidade de fiscalização dos serviços públicos, especialmente na área da saúde.

Compartilhe Isso
- Advertisement -