Carlos Bolsonaro é alvo de operação da PF que investiga esquema de espionagem ilegal na Abin

Redação Redação 13477 vistos
1 Min

O vereador Carlos Bolsonaro (Republicanos-RJ), filho do ex-presidente Jair Bolsonaro (PL), foi um dos alvos da operação deflagrada na manhã desta segunda-feira (29) para apurar ações da Agência Brasileira de Inteligência (Abin) durante o governo Bolsonaro.

Segundo o blog da jornalista Andréia Sadi, o mandado de busca e apreensão foi autorizado para a residência de Carlos Bolsonaro e também para a Câmara Municipal do Rio de Janeiro. Assessores também são alvo da operação.

A suspeita é de que assessores de Carlos Bolsonaro pediam informações para o ex-diretor da Abin, Alexandre Ramagem.

Carlos Bolsonaro é vereador desde 2001 e está em seu sexto mandato consecutivo na Câmara Municipal do Rio. Ele foi apontado pelo ex-braço-direito de Jair Bolsonaro, Mauro Cid, como chefe do chamado gabinete do ódio, uma estrutura paralela montada no Palácio do Planalto para atacar adversários e instituições – como o sistema eleitoral brasileiro.

Compartilhe Isso
- Advertisement -