Ex-tesoureiro do PP se entrega à Justiça e é preso na Papuda

João Cláudio Genu foi condenado a pena de 9 anos e 4 meses de prisão

0

Foto:Reprodução
O ex-tesoureiro do PP João Cláudio Genu se entregou à Polícia Federal na noite desta segunda-feira (21) e foi transferido para o Complexo Penitenciário da Papuda, em Brasília. Condenado a 9 anos e 4 meses de prisão, ele foi alvo de um pedido de prisão da juíza substituta Gabriela Hardt, da 13ª Vara Federal da Curitiba. As informações são do G1.

O juiz federal Sérgio Moro havia condenado Genu a 8 anos e 8 meses de prisão por corrupção passiva e associação criminosa. O ex-assessor do PP recorreu ao Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF-4), que aumentou a pena.

O tribunal determinou em outubro do ano passado a pena de 9 anos e 4 meses. A defesa do ex-tesoureiro recorreu, novamente ao TRF-4, mas teve o pedido negado. Com isso, ele teve a pedido de prisão decretada segundo entendimento do Supremo Tribunal Federal (STF)que que codenados podem começar a cumprir pena após condenação na segunda instância da Justiça.

Genu teria recebido propina de mais de R$ 3 milhões em contratos da Petrobras com a diretoria de Abastecimento da Petrobras.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

Secured By miniOrange