Homem que fugiu de delegacia de Candeias se apresentou

0
— Foto: Cássia Bandeira/G1

O homem de 35 anos que tinha fugido da delegacia de Candeias, após ter sido detido pelos agentes da 10ª CIPM na Ilha de Paramana, se apresentou na tarde desta segunda-feira (1), na delegacia de Madre de Deus, com a presença de um advogado.

O suspeito disse que fugiu da unidade de Candeias por desespero. “Ele informou que teve um surto, não sabia o que estava acontecendo e acabou fugindo, dormindo no mato e no outro dia ele e a família entrou em contato”, contou o advogado criminalista Thiago Nagy.

Nagy disse ainda que seu cliente estava, de fato, com mandado de prisão em aberto desde 2014, mas durante todo esse tempo nunca foi notificado pela justiça. “Vou arrumar toda documentação, saber como está a real situação do meu cliente para saber quais estratégias iremos adotar para a defesa”, revelou.

O suspeito já fez exames e está preso na 20ª DT/Candeias (unidade com carceragem), à disposição da justiça.

Entenda o caso

Por volta das 10h30 da manhã, os agentes da 10ª Companhia Independente da Policia Militar (CIPM), receberam informações da Central de Candeias, atestando que um suspeito de tentativa de homicídio, com mandado de prisão em aberto, estaria na Ilha de Paramana (Salvador), embarcando para Madre de Deus. Ele foi reconhecido por câmeras de reconhecimento facial.

Os agentes prenderam o suspeito e levaram, inicialmente para a 17ª DT/Madre de Deus, no entanto como a unidade estava sem plantonista, os agentes levaram o suspeito para 20ª DT/Candeias, para que o trâmite da prisão pudesse ser registrado. De maneira ainda desconhecida, o homem de 35 anos conseguiu fugir, não sendo alcançado pelos policiais.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.