“Querem fazer política usando os professores”, dispara Bruno Reis ao falar sobre greve

0

O prefeito Bruno Reis (UB) disse, nesta sexta-feira (20), que a greve dos professores da rede municipal de Salvador tem caráter político e fez comparações com os reajustes concedidos pelo governo estadual nos últimos anos.

“Em ano de eleição querem fazer política usando os professores. O governo do estado passou 7 anos sem dar um aumento e nunca fizeram paralisação, nunca fizeram uma greve. Esse ano o governo deu, em média, um reajuste linear de 4% e com os níveis [de benefícios], chega, em média, a 12%. Aqui oferecemos 6%, mas também com os níveis chegamos a 11%”, detalhou.

Além disso, o gestor disse que entende a reivindicação dos professores, mas que não tem recursos para arcar com o reajuste de 33%, pedido pela categoria.

“O Fundeb estabelece que 70% da verba é para pagar todos os trabalhadores da educação: professor, agente de portaria, administrativo. Sabe o que a prefeitura faz? Já paga o dinheiro todo com professores e ainda tem que completar”, diz.

Por fim, o prefeito lembrou ainda que a inflação elevada tem afetado todos os setores. “Sei a importância da recomposição salarial para garantir o sustento das famílias, mas também tenho que ver a conta total, tenho que ver o que está previsto para cada área”.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.