Lula deve se mudar para a Bahia em março, diz Wagner; “se preparar para os embates em 2022

0
Foto: Ricardo Stuckert/divulgação/Fotos Públicas

A mudança do ex-presidente Lula para a Bahia foi adiada para março, informou o senador e ex-governador Jaques Wagner (PT), ao programa da TV Aratu, QVP. Durante a transmissão, na quarta-feira (16/12), o petista revelou que ele próprio ajudou o co partidário a encontrar o imóvel.

“A decisão ele tomou, me comunicou, e eu comecei a procurar casas. Achei uma ou duas casas para ele alugar e a esposa atual dele chegou a vir aqui para visitar estes imóveis. Bom, eles estavam decididos, mas sempre tem os contratempos com ele, que é um cara de agenda apertada, e acabou me dizendo ‘Galego, eu estou adiando meus planos para março'”, revelou o senador.

Em novembro, porém, o colunista Guilherme Amando, da revista Época, disse que o pernambucano não veio para a Bahia por conta do alto preço do aluguel. A concorrência por uma casa no espaço costuma fazer o aluguel aumentar, algo que não agradou o petista.

Wagner, porém, relatou que o motivo do adiamento é uma viagem com o cineasta estadunidense, Oliver Stone, conhecido por filmes que denunciam o imperialismo, como exemplo de Snowden, para a produção de um documentário especial sobre o ex-presidente brasileiro.

“Agora ele está fazendo uma viagem com o grande cineasta Oliver Stone, que vai rodar um documentário. Não sei se é sobre a vida do Lula ou sobre o Brasil nos tempos do Lula e, por isso, deve estar viajando neste sábado (19/12). Acho que deve estar passando um mês fora. Uma das missões dele é exatamente rodar este filme com Oliver Stone, então ele deve voltar para cá na segunda quinzena de janeiro”, informou Jaques.

A expectativa era que Lula residisse no Busca Vida, condomínio de luxo em Camaçari, por pelo menos um ano, mas por conta dos adiamentos o tempo de permanência do político deverá ser reduzido. “Bom, ele tinha me dito: ‘eu quero passar pelo menos um ano aí’, mas agora eu acredito que não deve ser mais um ano porque ele adiou para março. Deve ser de uns três a seis meses porque ele é apaixonado pela Bahia. Adora as praias baianas e queria vir aqui talvez para um momento até de mais reflexão, de regionalização, para se preparar para os embates que vão acontecer em 2022”.

“Ele não cancelou o plano, mas realmente adiou para pelo menos para março. Se ele mudar o plano eu vou ficar com pena porque adoraria ter o Lula como vizinho. Uma das ideias seria que ele morasse em Busca Vida, em um condomínio muito grande que tem um grau de seguranças necessário para um ex-presidente e ao mesmo tempo tem acesso à praia. É o que eu digo, o povo de São Paulo tem muita ciumeira dele e não quer que ele venha”.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.