Acompanhe as últimas notícias da Cidade de Candeias na Bahia com credibilidade na informação sobre política, esportes e ações policias da região.

Após declaração polêmica de Bolsonaro, governo troca integrantes da Comissão sobre Mortos e Desaparecidos Políticos

Foto: Marcos Corrêa/Presidência

O presidente Jair Messias Bolsonaro trocou quatro dos sete integrantes da Comissão sobre Mortos e Desaparecidos Políticos. A alteração foi publicada no Diário Oficial da União desta quinta-feira (1º), com a assinatura do presidente e da ministra Damares Alves, da pasta da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos.

A mudança ocorre uma semana após o colegiado emitir documento que atesta que a morte de Fernando Santa Cruz, pai do presidente da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), Felipe Santa Cruz, se deu de forma “não natural, violenta, causada pelo Estado brasileiro”.

Na última segunda-feira (29), Bolsonaro afirmou que um dia contará ao juiz que preside a OAB como o pai dele desapareceu na ditadura militar. “Ele não vai querer ouvir a verdade. Eu conto para ele”, disse.

Horas depois, o presidente afirmou, sem apresentar provas, que a morte foi cusada por grupos terrorsitas do Rio de Janeiro, e não pelos militares. Na quarta-feira, o presidente da OAB acionou o STF para que Bolsonaro conte o que diz saber sobre o pai dele.

  1. Roque Silva
    Roque Silva Diz

    Eta governa do entra e sai parece couro de pi…………

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.