SAO JOAO
SAO JOAO

CEO da Acelen, Luiz de Mendonça é nomeado Cidadão Baiano

Por Redação
2 Min

Durante a sessão especial no Plenário do Palácio Luís Eduardo Magalhães, o engenheiro e CEO da Acelen, Luiz de Mendonça, foi agraciado com o Título de Cidadão Baiano. A cerimônia de homenagem ocorreu na manhã de hoje (7), às 10h.

“Os baianos quase me fizeram chorar hoje. Muita emoção e muita honra. Trabalho na Bahia há mais de 20 anos e é uma grande honra para mim. Na verdade, tenho que reconhecer a minha equipe, meus companheiros. Eu sou o homenageado, mas eles que merecem”, expressou Luiz.

A Bahia sempre esteve próxima da Acelen por ser o centro e a base da refinaria, de acordo com Luiz. A empresa, que possui mais de 70 anos de história, foi a primeira refinaria do Brasil e está presente no estado há dois anos e meio, estabelecida em São Francisco do Conde. O paulista assumiu o cargo de CEO da Acelen em 2021.

“Aqui é onde a maior parte dos nossos investimentos está concentrada, agora com foco em energia renovável e transição energética. Queremos viabilizar esse grande projeto o mais rápido possível”, revelou.

A iniciativa para conceder o título de Cidadão Baiano a Luiz de Mendonça partiu do deputado Niltinho (Progressistas), que celebra a chegada da Acelen à Bahia, por investir mais de dois bilhões de reais na infraestrutura da refinaria, impulsionando ações da empresa nas comunidades próximas da região.

O reconhecimento recebido por Luiz de Mendonça é uma prova do importante papel que a Acelen desempenha no desenvolvimento econômico e social da Bahia, reforçando o compromisso da empresa com o estado e suas comunidades. A cerimônia também ressalta a relevância da parceria entre o setor privado e o poder público na busca por soluções sustentáveis e inovadoras para o setor energético.

A homenagem a Luiz de Mendonça reflete não apenas o reconhecimento de seus méritos profissionais, mas também o reconhecimento da importância da Acelen como agente de transformação e impulsionador do desenvolvimento regional.

Compartilhe Isso
- Advertisement -