SAO JOAO
SAO JOAO

Bolsonaro descarta apoiar pré-candidatura de Pablo Marçal em SP

Por Redação
2 Min

O ex-presidente Jair Bolsonaro (PL) descartou, nesta quarta-feira (05), a possibilidade de apoiar a candidatura do coach e escritor Pablo Marçal (PRTB) na disputa pela prefeitura de São Paulo nas eleições municipais de outubro.

Em entrevista ao jornal Folha de São Paulo, Bolsonaro revelou ter conversado com Marçal na terça (04), mas reforçou seu compromisso com o prefeito da capital, Ricardo Nunes (MDB), pré-candidato à reeleição. O PL, partido do ex-presidente, deve indicar o coronel aposentado Ricardo Mello para o posto de vice da chapa.

“Eu disse a ele [Marçal] que eu tenho um compromisso com o prefeito através da indicação do vice, o coronel Mello Araújo […] Eu não tenho como apoiá-lo”, disparou.

Bolsonaro deixou claro que sua prioridade é manter o acordo estabelecido com Nunes, o que impede o seu apoio a Marçal. O ex-presidente afirmou que a indicação do vice na chapa é uma demonstração de comprometimento com a gestão atual da cidade de São Paulo.

Embora tenha tido uma conversa com Marçal, Bolsonaro não se mostrou receptivo à possibilidade de modificar sua posição em relação à eleição municipal. O ex-presidente destacou a importância de manter alianças políticas e respeitar acordos pré-estabelecidos.

A recusa de apoio por parte de Bolsonaro representa um obstáculo para a campanha de Marçal, que busca fortalecer sua candidatura e ampliar seu alcance eleitoral. A decisão do ex-presidente pode impactar diretamente no cenário político da corrida pela prefeitura de São Paulo.

Com a confirmação de que o PL indicará o coronel Ricardo Mello como vice na chapa de Nunes, as chances de uma possível aliança entre Bolsonaro e Marçal se tornam ainda mais remotas. O ex-presidente reafirma seu compromisso com o atual prefeito e sua equipe.

Compartilhe Isso
- Advertisement -