Greve geral dos rodoviários na Bahia a partir do dia 29

Por Redação
2 Min

O Sindicato dos Rodoviários deliberou nesta sexta-feira (24) pela deflagração de uma greve geral por tempo indeterminado em toda a frota de ônibus da Bahia. A paralisação unificada entrará em vigor a partir de quarta-feira (29) e afetará os transportes coletivos urbanos, intermunicipais, de fretamento, locadoras e turismo.

De acordo com o sindicato, a decisão foi tomada devido à falta de acordo nas negociações salariais, após mais de 12 reuniões realizadas. O presidente do sindicato, Hélio Ferreira, ressaltou que as propostas apresentadas pela empresa visam retirar direitos dos trabalhadores. “Durante essas 12 assembleias, eles fizeram várias contrapropostas, mas todas visam retirar direitos dos trabalhadores. Propuseram, por exemplo, a não presença de cobradores nos finais de semana, aumento da jornada de trabalho para contrato parcial, entre outras medidas que vão de encontro às nossas reivindicações. Reduzimos nossa pauta em 50%, de 44 itens para 22, na tentativa de facilitar as negociações, mas a questão salarial é um ponto no qual não abrimos mão”, afirmou.

Na próxima segunda-feira (27), está agendada uma audiência de conciliação do dissídio coletivo dos rodoviários no Tribunal Regional do Trabalho (TRT), na tentativa de evitar a greve. Caso a paralisação seja efetivada, mais de 3 milhões de passageiros por dia serão afetados, gerando prejuízos para o comércio, indústrias e repartições públicas.

A greve unificada dos rodoviários poderá impactar significativamente a mobilidade urbana e a economia do estado da Bahia. É importante que as partes envolvidas busquem um consenso para evitar transtornos à população e prejuízos à sociedade como um todo.

Compartilhe Isso
- Advertisement -