Mulher sofre tentativa de feminicídio em Pirajá; marido está foragido

Por Redação
2 Min

Uma mulher, cujo nome não foi divulgado, foi vítima de uma tentativa de feminicídio no bairro de Campinas de Pirajá, em Salvador. O incidente ocorreu na quarta-feira (24/4), na Rua Eliana. Segundo informações da Polícia Civil, a vítima foi agredida fisicamente pelo marido.

Testemunhas socorreram a mulher até uma unidade hospitalar. O caso foi registrado na 4ª Delegacia (DT/ São Caetano) e encaminhado para a Delegacia Especial de Atendimento à Mulher (Deam/ Periperi), onde será investigado.

A violência contra a mulher é uma problemática recorrente na sociedade atual. De acordo com dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), uma em cada três mulheres sofreu algum tipo de violência no país. O feminicídio, que é o assassinato de uma mulher em razão de seu gênero, é considerado um dos crimes mais graves nesse contexto.

A Lei Maria da Penha, em vigor desde 2006, busca coibir a violência doméstica e familiar contra a mulher, garantindo medidas de proteção e punição aos agressores. Entretanto, mesmo com a legislação em vigor, casos como o ocorrido em Campinas de Pirajá demonstram a urgência em combater e prevenir a violência de gênero.

É fundamental que a sociedade esteja atenta e denuncie situações de violência contra a mulher, promovendo assim a conscientização e a busca por soluções efetivas para esse grave problema social. A investigação do caso em questão pela Deam/ Periperi é um passo importante nesse sentido.

Compartilhe Isso
- Advertisement -