SAO JOAO
SAO JOAO

Preso o homem que matou o sargento da PM em Candeias

Por Redação
3 Min

A vítima, um militar aposentado, discutiu com o autor dos disparos antes de ser morto. Homem fugiu, mas foi preso em flagrante.

Um sargento da Polícia Militar foi morto a tiros após discutir com um pernambucano em Candeias, na Região Metropolitana de Salvador. O crime aconteceu por volta das 22h30 do domingo (8), na rua Alto da Bela Vista, nas proximidades da casa do militar. Segundo informações da Central de Polícia, a vítima era o sargento da reserva Raimundo Gerson Campos Santos, de 54 anos.

Testemunhas relataram para a PM da região que Raimundo Gerson discutiu neste domingo com o pernambucano Fábio Rogério Marinho da Costa, 43 anos. Mais tarde, o acusado retornou ao local armado, e já chegou atirando no sargento, que foi alvejado no abdômen e na virilha.

Fábio, que morava perto da casa da vítima, na rua Travessa Cachoeira, fugiu em seguida. Uma viatura da 10ª Companhia Independente da Polícia Militar (CIPM) de Candeias socorreu Raimundo Gerson para o Hospital Ouro Negro. No entanto, o sargento não resistiu aos ferimentos e morreu após dar entrada na instituição.

acusado-de-matar-sargento-candeias

O pernambucano foi encontrado pouco depois, durante uma ronda da PM, perto da sua própria casa. Ele estava com o revólver de calibre 38 usado no crime, assim como quatro munições deflagradas e quatro intactas. Fábio foi conduzido para a 20ª Delegacia Territorial (DT/Candeias), onde foi preso em flagrante.

O corpo do sargento será sepultado no município de Amargosa, de onde era natural. O motivo da discussão entre a vítima e o pernambucano ainda não foi determinado pela 20ª DT, que investiga o caso. A Polícia Militar divulgou uma nota de pesar sobre o caso; leia abaixo:

É com pesar que a Polícia Militar informa que neste domingo (8), por volta das 22h20, na rua Alto da Bela, no distrito Passagem dos Teixeiras, município de Candeias, o sargento da reserva remunerada Raimundo Gerson Campos Dos Santos, de 54 anos, foi atingido na região do abdômen e virilha por disparos de arma de fogo, e socorrido por uma viatura para o Hospital Ouro Negro em Candeias, porém não resistiu aos ferimentos.

Fábio Rogério Marinho da Costa é acusado de ter efetuado os disparos contra o policial militar após uma discussão. Segundo testemunhas seria uma briga de vizinhos. Ele foi preso em flagrante por guarnições da 10ª CIPM/Candeias e conduzido para a 20ª Delegacia Territorial, onde foi apresentado juntamente com a arma do crime, um revólver Taurus, calibre 38, com quatro munições deflagradas e quatro munições intactas do mesmo calibre.

Segundo familiares, o sepultamento será realizado no município de Amargosa, cidade natal do sargento. O horário e a data ainda não foram definidos”. 

Compartilhe Isso
- Advertisement -