Homens que mataram e arracaram pele do rosto de diarista são condenados

0
Rúbia Alves foi assassinada a facadas pela dupla – (crédito: Arquivo Pessoal)

O Tribunal de Justiça do Distrito Federal e dos Territórios (TJDFT) condenou Rodrigo Pereira de Lima e Vicente Aldo Ferreira Silva a 21 e 25 anos de prisão, respectivamente, na última quarta-feira (09/03).

Os dois confessaram que assassinaram a diarista Rúbia Alves Ferreira, de 35, no Parque Leão, no Recanto das Emas. Eles ainda ressaltaram que retiraram a pele do rosto da vítima com uma faca para dificultar a identificação.

Segundo a denúncia, no dia 13 de agosto de 2020, Rúbia teria furtado o celular de um dos autores do crime para trocar por drogas.

Como vingança, Vicente atraiu a vítima para um terreno baldio. Nesse momento, um deles segurou Rúbia pelas costas e o outro desferiu os golpes de faca.
Após cometerem o crime, eles fugiram do local e jogaram os objetos da vítima em uma lixeira, em Samambaia.

Os jurados acataram as qualificações apontadas pelo Ministério Público e condenaram os dois por motivo torpe, meio cruel e recurso que dificultou a defesa da vítima.

O promotor de Justiça Rafael Ribeiro afirmou que “a condenação mostra que a sociedade não aceita a prática de fatos tão brutais como os que foram julgados, proferindo resposta condizente com a gravidade da situação”.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.