Congresso estuda adiar eleições municipais por causa do coronavírus

0

Por: Arquivo / Agência Brasil
eleicCom a incerteza sobre a duração da pandemia do coronavírus (Covidd-19), o Congresso tem dúvidas sobre a realização das eleições municipais, previstas para outubro deste ano.

Para o ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, o Brasil deve atingir seu pico no número de casos confirmados da doença entre abril e junho e a situação só ficaria estável a partir de julho. A analise vem preocupando líderes de partidos na Câmara e de congressistas, que temem impacto nas campanhas eleitorais, previstas para começarem a partir do dia 16 de agosto.

O TSE já sinalizou na última quinta que não deve, por enquanto, alterar o calendário eleitoral. Por unanimidade, o plenário da corte disse que não é possível mudar a data-limite para filiação a um partido político mesmo por causa da crise do coronavírus. A decisão foi em resposta a um questionamento do deputado Glaustin Fokus (PSC-GO), que pediu um adiamento do prazo em razão da pandemia.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

Secured By miniOrange