Acompanhe as últimas notícias da Cidade de Candeias na Bahia com credibilidade na informação sobre política, esportes e ações policias da região.

Cerveja na mão foi pedido do sequestrador, conta refém que virou meme

A imagem de um refém saindo do sequestro em um bar no Rio de Janeiro viralizou na internet. Isso porque ele carregava uma garrafa de cerveja, enquanto era acompanhado pelos policiais.

Mas quem pensou que ele saiu com garrafa por vontade própria, se enganou. “Eu estava conversando com o sequestrador e ele me disse para sair com a cerveja na mão. Ele falou que eu era um cara maneiro e que tinha gostado de mim. Ele sabia que ia repercutir”, contou Isaías Gonçalves, técnico de refrigeração, que saiu com a bebida na mão.

(Foto: Reprodução)

Ele contou também que, durante a ação, o sequestrador Danilo Macedo ofereceu cerveja para os reféns. Mas Isaías recursou a oferta. “Não, não. Deixei lá no cantinho. Bebi nada”, garantiu.

Isaías tinha acabado de chegar ao bar para consertar um freezer quando Danilo iniciou o sequestro e fechou as porta do estabelecimento. Ele estava armado com um facão, rendeu as sete vítimas dentro de um bar na Rua do Resende, na Lapa. Foram cerca de oito horas de sequestro.

O agressor seria um ambulante que teria brigado com a dona do bar e estaria tentando se vingar, mas a polícia ainda não confirmou essa versão. “Tanto o nome dele quanto as circunstâncias que o levaram a fazer isso serão verificadas posteriormente”, afirmou o coronel Fliess, que acompanhou a negociação. Várias vias no centro foram interditadas em decorrência da operação montada em função do sequestro.

A Empresa Brasil de Comunicação (EBC) confirmou no fim da tarde que três das sete pessoas feitas reféns são funcionárias da empresa, cuja sede fica próxima ao bar. Em nota, a EBC informou que “na tarde desta sexta-feira, 29, um homem invadiu um estabelecimento comercial localizado na Lapa, no Rio de Janeiro, onde manteve reféns. Três deles são empregados da EBC”.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.