Acompanhe as últimas notícias da Cidade de Candeias na Bahia com credibilidade na informação sobre política, esportes e ações policias da região.

Por violação de sigilo, Jaques Wagner e Nelson Pelegrino acionam Bolsonaro e Moro no STF

Foto: Divulgação

De acordo com a coluna Painel, do jornal Correio*, o senador Jaques Wagner e o deputado federal Nelson Pelegrino, ambos do PT, acionaram o presidente Jair Bolsonaro e o ministro da Justiça e Segurança Pública, Sergio Moro, no Supremo Tribunal Federal (STF).

Os petistas acusam o ex-juiz e o presidente por supostos crimes de responsabilidade e violação de sigilo funcional. Nas duas petições protocoladas recentemente na Corte, Wagner, Pelegrino e outros 18 parlamentares do PT no Congresso apontam eventual ilegalidade de Moro no âmbito da investigação sobre os candidatos laranjas do PSL.

Ainda segundo a publicação, a ofensiva tem como base declarações de Bolsonaro em coletiva concedida dia 28 de junho, durante o encontro do G-20 em Osaka, no Japão. Na oportunidade, Bolsonaro admitiu que Moro lhe deu acesso privilegiado a dados do inquérito. “Ele (Moro) mandou cópia do que foi investigado pela Polícia Federal pra mim. Mandei um assessor ler, porque não tive tempo”, disse Bolsonaro, em fala reproduzida pela Folha de S.Paulo. A investigação corre sob sigilo.

  1. Luiz Carlos Silveira Callabone
    Luiz Carlos Silveira Callabone Diz

    Sigilo sei, quando é contra ESSES bostas do PT e esquerda, eles correm logo para suprema merda, agora quando é contra os outros, tudo pode, vão a merda seus corruptos.

  2. Bruno Cassiano
    Bruno Cassiano Diz

    Jaques Wagner, tá na lista de propina da Odebrecht, é bandido, não tem moral pra nada!

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.