Homem é condenado a 14 anos de prisão por matar estudante com soco e pontapé no Carnaval

5
Foto: Reprodução / TV Bahia

Edson Rodrigues dos Santos, de 27 anos, assassino confesso do estudante de engenharia mecânica, Kaíque Abreu, foi condenado a 14 anos de prisão em regime fechado, nesta terça-feira (11), em Salvador.

O homem que confessou ter agredido o jovem após sair de um dos circuitos do carnaval de Salvador em 2018. Edson foi condenado por homicídio duplamente qualificado. O julgamento começou ainda na manhã desta terça, no Fórum Ruy Barbosa, e terminou por volta das 16h40.

Edson deve ser levado para o Complexo Penitenciário de Salvador. O TJ-BA não detalhou também quando ele será levado para a penitenciária.

O CASO

Kaique Abreu, de 22 anos, morreu após ser agredido sem motivo com um soco e chutes ao deixar um dos circuitos do carnaval de Salvador, na Rua Manoel Barreto, no bairro da Graça.

Edson Rodrigues dos Santos contou que bateu no jovem porque queria descontar, na primeira pessoa que aparecesse, uma agressão que teria sofrido no circuito da folia. O suspeito foi preso no dia 14 de fevereiro, no bairro de Capelinha de São Caetano, onde morava. Ele foi localizado após força-tarefa do Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa e da 14ª Delegacia Territorial da Barra.

  1. Marly Santana Diz

    É muito pouco pra esse demônio

  2. Eliete França Diz

    14 anos muito pouco .

  3. Luis Carlos Diz

    300 tava bom

  4. Sandro Valois Diz

    PENA DE MORTE JA

  5. Raimunda Rodrigues Diz

    Era pra ser perpétua

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

Secured By miniOrange