Acompanhe as últimas notícias da Cidade de Candeias na Bahia com credibilidade na informação sobre política, esportes e ações policias da região.

Mulher que acusa Neymar quebra silêncio: ‘Fui vítima de agressão e estupro’

Foto: Reprodução

A modelo baiana Najila Trindade Mendes de Souza, que acusa o jogador Neymar de estupro, falou publicamente pela primeira vez e reafirmou que foi agredida e violentada. “Falei ‘para, está doendo’. E ele me virou, cometeu o ato. Pedi para ele parar, enquanto ele cometia o ato, e ele continuava batendo na minha bunda, violentamente”, relatou ela ao SBT. Questionada se considera que foi vítima apenas de uma agressão, ela nega. “Agressão, juntamente com estupro”.

Ela explicou que Neymar pagou a viagem e sua hospedagem em Paris, com intenção dos dois ficarem juntos. “A gente conversou, conversei com ele como uma pessoa comum, era intuito sexual, era um desejo meu. Ficou até claro para ele isso. Ele perguntou quando eu poderia ir, eu disse ‘no momento não posso’, questões financeiras, não podia ir. E também questões da agenda e do meu trabalho. E daí ele sugeriu: ‘Tá, eu posso resolver isso”, conta ela.

A modelo disse ainda que Neymar ficou agressivo quando ela pediu que ele colocasse camisinha antes da relação sexual. Ele não falou nada, mas ignorou o aviso dela para que nada mais acontecesse, já que nenhum dos dois tinha preservativo. Essa versão já tinha sido dito mais cedo pela advogada Yasmin Pastore Abdalla, que a representa, para a colunista Mônica Bergamo, de Folha de S. Paulo. A acusadora será ouvida ainda esta semana na 6ª Delegacia de Defesa da Mulher. Neymar também será ouvido, em data ainda não definida.

Veja o que mais ela falou:

Quem é Najila
“Uma pessoa comum, que trabalha, estuda. Sou modelo, estudante de Design de Interiores. Que gosta de esportes, que treina, dança. Sou filha, mãe. Uma pessoa comum”

Primeiro advogado deixando o caso
“Primeiro que ele não estava acreditando totalmente em mim. Eu senti preconceito da parte dele, porque ele disse para mim que ‘É, você vai ter que cortar a unha, a gente vai ter que levar isso pra frente, mas você…’. Deu a entender que ‘Você não foi estuprada, você deu porque você quis, você fez porque quis. Então eu vou isentar essa parte, não vou colocar essa parte, vou falar a agressão porque eu tenho as provas, você me mostrou as provas, que são as fotografias’. Acho que ele só acreditou eme mim porque ele viu a foto que o próprio Neymar mandou para mim. Minha foto machucada.”

Como elas se conheceram
“Através de uma rede social, Instagram. Mandei uma imagem para ele, não era nude meu, era um texto, e ele respondeu e a gente começou a trocar mensagens. Depois de um tempo ele me pediu meu WhatsApp e eu passei. (Cunho sexual das conversas) Sim, meu intuito era isso. Meu intuito era ter uma relação sexual com ele. Desde quando eu comecei a falar com ele. E aí eu fui, com a passagem. (Intenção) De ficar com ele, de encontrar com ele. Obviamente”.

Como foi o estupro ao chegar em Paris
“Vou pro hotel, ele me manda mensagem, falando que ia para uma festa e que ia passar lá antes para me dar um beijo, para me cumprimentar antes de ir nessa festa. Eu tinha um desejo de ficar com Neymar. Quando eu chego lá estava tudo bem, tudo legal, eu ia conseguir. Quando cheguei lá ele estava agressivo, totalmente diferente daquele cara que eu conheci nas mensagens. Até aí, tudo bem. Como eu tinha muita vontade de ficar com ele, falei, ‘Ok, vou tentar manejar aqui’. A gente começou a trocar carícias, começou a ficar, se beijar. E daí ele me despiu. Até aí tudo bem. Só que depois ele começou a me bater. Nos primeiros, ok, tava tudo certo. Só que depois começou a me machucar muito. E eu falei: ‘Para. Para , está doendo’. E ele falou ‘Desculpa, linda’. Continuamos, deitados na cama, rolando e tal. Eu falei, ‘Você trouxe preservativo? Porque eu não tenho’. Ele disse ‘Não’. Então eu falei ‘Não vai acontecer nada além disso, porque não podemos’. Ele não respondeu nada. A gente continuou. E ele me virou e cometeu o ato. Eu pedi para ele parar. Enquanto ele cometia o ato, ele continuava batendo na minha bunda. Depois eu girei foi tudo muito rápido, em questões de segundos, e eu me retirei”.

Deixou claro que não era mais consensual?
“Eu falei ‘Para, para. Não, para’. Eu falei. Ele não se comunicava muito. Ele só agia. (Virou não consensual) A partir do momento que ele se tornou agressivo, a partir do momento que eu perguntei para ele se ele tinha levado preservativo, que eu não tinha, e ele falou que não. E eu falei para ele: ‘Então não podemos’. E ele concordou, com o silêncio eu entendi concordância. Quando ele me virou, ele já foi cometendo o ato. Então assim , ele não entrou em acordo comigo. Ele ficou calado, então para mim ele tinha entendido que não poderíamos ir além daquilo que já estávamos fazendo. A partir do momento que ele me segurou violentamente me batendo, ele estava me obrigando a ficar ali. Sem uso de preservativo”.

Reação depois
“Depois, quando eu sai da cama e fui para o banheiro, eu não acreditei, foi uma decepção. Eu fiquei estarrecida. Não consegui falar nada para ele, xingar, falar. Só fiquei em estado de choque assim. Depois ele levantou, foi pro banheiro, quando ele entrou por uma porta eu sai por outra”.

Porque ela continuou falando com Neymar depois
“Porque primeiro eu tive que assimilar tudo. Todo acontecimento. Quando ele saiu do quarto e eu comecei a entender tudo que tinha acontecido comigo, como ele foi estúpido, como ele foi ruim, como ele me violou e me violentou… Eu quis fazer justiça.  Não acho que só porque eu estava a fim de ficar com ele, ele tinha direito de fazer aquilo comigo. Então num primeiro momento não consegui reagir devido ao trauma. Depois, eu sabia que se eu não falasse com ele normalmente, fingindo que eu não tinha entendido o que aconteceu, ele não falaria mais comigo. Eu não teria como provar o que ele fez comigo”

Tentiva de extorsão
“Da minha parte não. Fiquei (sabendo da denúncia). Eu comecei a desconfiar disso no momento que ele (primeiro advogado) não deixava eu dar queixa. Inclusive porque eu tomei essa decisão ele decidiu abandonar o caso. Ele falou que ia fazer uma reunião com os advogados dele (Neymar), que era para falar, levar até eles o que estava acontecendo. Não (tinha expectativa de receber dinheiro). Eu quero justiça. Ele me fez muito mal, eu estou muito traumatizada até hoje. Quero que ele pague pelo que ele fez. Eu tenho consciência do que o que aconteceu representa para mim. Uma questão de honra. Ele não precisava ter feito aquilo comigo. Eu já estava ali para isso. Era um desejo meu, sou livre, desimpedida, nós íamos ficar, eu ia voltar para casa e ia estar tudo certo”

Dívidas e motivo financeiro
Ação de despejo eu não estava sofrendo até o meu nome vir a publico. Eu tinha acordo, sim, para fazer, deixei acumular. E o colégio que estava estudando que por motivos pessoais eu tranquei. (Ela confirma dívida de R$ 4 mil com a faculdade). Eu acho que teria uma forma mais fácil e mais rápida do que todo esse escândalo (para ganhar dinheiro). Não preciso disso, ir até o Neymar para poder conseguir dinheiro. Tenho muitos trabalhos, muitas coisas para fazer. Não ia me expôr dessa forma, não tem lógica, não tem sentido.

Veja a entrevista:

Imagem de agressão
A TV Record  divulgou hoje mais cedo uma imagem do vídeo de uma suposta briga entre o atacante e a mulher que o acusa de estupro. O print mostra uma pessoa de pernas para cima na cama atingindo uma mulher no rosto.

Logo após a exibição da imagem, o pai de Neymar, Neymar Silva, entrou em contato com o programa Cidade Alerta e confirmou que o homem que aparece na imagem é mesmo o jogador. Segundo ele, o vídeo mostra que Neymar se defendia após ser agredido com uma garrafada.

“Não tenho o que defender. As imagens por si só mostram. Isso está nos autos. Isso é um vídeo que foi printado. E esse vídeo só vai provar que o Neymar é que foi agredido. Ela provoca uma agressão nele para ver se ele pudesse revidar. Quando ele percebe que o que estava acontecendo é uma armadilha. Se você ver, ele se joga para trás na cama, isso é uma garrafada que ele ia levar”, disse Neymar pai.

“Acho que era uma garrafa de vinho, alguma coisa assim”, complementou. O pai de Neymar voltou a defender o filho e afirmou que ele foi vítima de uma armadilha. Segundo ele, o celular já estava gravando desde o momento em que o jogador entrou no quarto do hotel.

“O que seria bom para nós e para toda a investigação, é que esse vídeo aparecesse. É isso que a polícia está tentando fazer, é para isso que a gente está torcendo que aconteça. Que se encontre essa moça e tudo fique esclarecido. Que se possa ver as imagens que ela tem e isso vai falar por si só”, complementou.

Neymar pai diz que filho sofreu “armadilha”
Em entrevista à TV Bandeirantes esta semana, o pai de Neymar afirmou que o filho estava sendo filmado quando foi para o segundo encontro no hotel da mulher. “O celular parecia estar de pé, como se estivesse carregando. Ele viu que estava filmando e aí pediu para ela ir embora. Ele emitiu a passagem de volta dela”, afirmou, dizendo que a mulher partiu para cima do jogador. “O Neymar até tenta filmar, tenta gravar, mas ele erra. Coloca no bolso e não consegue”, completou ao explicar que seu filhou tentou se defender.

Advogado de Neymar fala em ‘cala boca’

Gustavo Xisto, um dos defensores de Neymar, divulgou nota afirmando que o estafe do jogador recebeu pedido de um “cala boca” para que a “suposta vítima não relatasse as alegadas agressões às autoridades”.

Leia abaixo:

“Como já revelado pelo sr. Neymar mais cedo na imprensa, de fato foi realizada uma reunião no dia 29 passado, em sua residência na cidade de São Paulo, em que estiveram presentes dois dos seus advogados, uma outra testemunha e o advogado que representava os interesses da suposta vítima. Na oportunidade foi solicitada uma compensação financeira (“cala boca”) para que a suposta vítima não relatasse as alegadas agressões às Autoridades Policiais.

Na oportunidade não foi apresentado nenhum laudo médico, tampouco vídeo, apenas fotografias.

Na data de hoje a defesa teve acesso ao Procedimento Investigatório, analisando as declarações e documentos apresentados. Diante do sigilo não podemos nos pronunciar sobre os seus elementos e conteúdo.

A defesa já se prontificou a colaborar com as investigações, inclusive para que as declarações do Atleta Neymar Jr. sejam prestadas oportunamente e as provas apresentadas”.

Depoimento de Neymar
O advogado de Neymar afirmou mais cedo, após se reunir com a delegada do caso, que o jogador vai se apresentar voluntariamente à polícia. Em entrevista à TV Bandeirantes, ele afirmou que o depoimento depende apenas de uma data. A polícia o intimou para depor na sexta, mas a CBF pediu adiamento para após a Copa América.

“Neymar vai se apresentar voluntariamente, já está decidido faz bastante tempo. Agora é encontrar um dia que seja conveniente para delegacia, com o fluxo da investigação, ele é o maior interessado em esclarecer isso”, explicou Davi Tangerino.

“Não há um tempo definido, quem manda na condução dos atos do inquérito é a delegada. Tem que ver qual o momento que ela quer ouvi-lo. Quando esse momento chegar, ele vai se apresentar para esclarecer a verdade dos fatos. Não sei precisar esse tempo, não”, acrescentou.

O advogado defendeu a atitude de Neymar, de divulgar nas redes sociais o diálogo que teve com a acusadora antes. “Recebemos uma verdade, um sentimento de injustiça muito grande por ter passado por este episódio e esta verdade que vi nele e na análise das provas, dos diálogos. Todos têm direito a advogado; portanto, o vídeo do Neymar fala por si com muita verdade, sentimento de injustiça, indignação. Ele é o maior interessado em conhecer a verdade, e a verdade vai prevalecer”, declarou.”O Neymar traz holofotes, mas temos total confiança na justiça, polícia com discrição e seriedade, a verdade vai prevalecer, e esse episódio terá sua página virada em breve”, finaliza.

O caso
A mulher fez um boletim de ocorrência sobre o caso na sexta-feira (31), em São Paulo, relatando que o estupro teria ocorrido em 15 de maio, em Paris. O inquérito policial corre em sigilo.

Segundo o B.O., os dois se conheceram pelo Instagram e depois passaram a conversar pelo WhatsApp. Neymar se ofereceu para pagar passagem e hospedagem para a mulher ir visitá-lo na França. Ela foi então para o Sotitel Paris Arc Du Triomphe, onde ficou hospedada a partir do dia 15 de maio.

A mulher conta que Neymar chegou no hotel dia 15, embriagado, por volta das 20h. Os dois trocaram carícias e então ele ficou agressivo, partindo para uma relação sexual com uso de violência, sem consentimento. Ela voltou ao Brasil no dia 17 de maio, afirmando estar abalada demais para registrar ocorrência. Um exame feito em clínica particular constatou hematomas na mulher, além de existência de um estresse pós-traumático.

Neymar negou categoricamente o fato, afirmando que os dois fizeram sexo de maneira consensual. Ele publicou um vídeo no Instagram expondo a conversa que teria mantido com a mulher. Há conversas desde março, com forte teor erótico. No dia 16 de maio, um dia após o susposto estupro, eles conversam normalmente e a mulher chega a pedir uma lembrança para trazer para o filho no Brasil.

A assessoria de Neymar diz ainda que o estafe do jogador foi procurado por um advogado de São Paulo que teria tentado praticar extorsão com o atleta antes do caso vir à tona.

Por conta da divulgação das imagens da conversa, que incluiam fotos íntimas da mulher, mesmo que borradas, Neymar será investigado. O crime de vazamento de fotos íntimas é previsto no artigo 218-C do Código Penal Brasileiro e, caso haja condenação, o crime prevê pena de um a cinco anos de reclusão.

O vídeo foi retirado do ar pelo Instagram. A rede social declarou que “o conteúdo foi removido por violar os padrões da comunidade”.

O pai de Neymar, que tem dado entrevistas para defender o filho, afirmou que eles não tinham escolha além de divulgar a conversa. “Não tínhamos escolha. Eu prefiro um crime de internet a de estupro. Foi o Instagram que tirou do ar por saber que vai ter uma discussão em cima disso. Pelas regras do Instagram estava normal. Ele preservou a imagem, o nome. Ele precisava se defender rapidamente. É melhor ser verdadeiro e mostrar o que aconteceu. Sabíamos da chantagem, mas não da coragem de fazer um B.O. em cima de uma situação dessas.”

Fonte:Correio24

  1. Gildenita Gil
    Gildenita Gil Diz

    Ela quer dinheiro facil.

  2. Sandra De Freitas Freitas
    Sandra De Freitas Freitas Diz

    Mentirosa quem quer amor n liga o celular pra filmar

  3. Suelem Mahal
    Suelem Mahal Diz

    Oportunista armadora

  4. Fabiana Santos
    Fabiana Santos Diz

    Não consigo acredita nela e olha não só fam do Neymar e nem gosto dele

  5. Valentina Ventura Alburque
    Valentina Ventura Alburque Diz

    Vai procurar um emprego

  6. Edmilson Pereira Dos Reis
    Edmilson Pereira Dos Reis Diz

    Aí é mais uma Maria chuteira atras de um dim dim pra sua conta bancária. Não me simpatizo com o Neymar…não sou fã dele mas acredito na inocência do mesmo.

  7. Thiago Max
    Thiago Max Diz

    Pilantra graduada.
    Vagaba de marca maior…

  8. Leleu Melo
    Leleu Melo Diz

    Ela quer Ibope e dinheiro fácil vai procurar trabalhar Maria chuteira

  9. Eva Maria Rodrigues
    Eva Maria Rodrigues Diz

    E Eu aqui querendo terminar de construir minha casa e Neymar gastando dinheiro com oque não presta, ô Neymar que vacilo hein

  10. Jackson Amordivino
    Jackson Amordivino Diz

    Manda ela pinta o cu de vermelho agora kkk acho que vai aparecer mais na mídia

  11. Ana Quadros
    Ana Quadros Diz

    Vigiemos,q sabe são eles dois.Eles q se resolvam e a justiça Divina e dos homens

  12. Leo Silva
    Leo Silva Diz

    Está evidente de que a intenção dela foi tirar dinheiro do Neymar. Quantos homens já foram presos ou tiveram a sua vida ceifada por causa de mentiras? Quantos homens estão presos acusados de um estupro que nunca comenteu? Neymar é milionário, mas se fosse pobre já estaria preso e sendo abusado na delegacia.

    1. Alexandre Gonçalves Lima
      Alexandre Gonçalves Lima Diz

      Leo Silva
      A pura verdade

  13. Joilson Brito
    Joilson Brito Diz

    Raputenga!!!!

  14. Marly Santana
    Marly Santana Diz

    Mulher safada

  15. alberto Diz

    caçadora de dote ladrona.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.