Guitarrista da Afrocidade é morto por espancamento em Camaçari

Por Redação
1 Min

O guitarrista da banda Afrocidade, Flávio de Oliveira da Silva, de 32 anos, conhecido como “Fal Silva”, foi espancado e veio a óbito na noite de sexta-feira (24) em Camaçari, na Região Metropolitana de Salvador.

De acordo com informações da Polícia Civil, um grupo de homens agrediu o artista no bairro Novo Horizonte. O corpo de Fal Silva encontra-se no Departamento de Polícia Técnica (DPT) do município.

A morte de Fal Silva foi lamentada pela banda Afrocidade. Em nota de pesar, a banda afirmou que o guitarrista estava presente desde a criação do grupo, em 2011, e era conhecido como o “violeiro da maldade” por sua ousadia e talento musical.

Segundo a banda, Fal Silva vivia intensamente a música nos palcos e fora deles. O comunicado ressaltou a tristeza, saudade e admiração que o artista deixará entre os integrantes e fãs.

A investigação do crime está a cargo da 4ª Delegacia de Homicídios (DH/Camaçari). As autoridades já emitiram as guias para remoção e perícia, e estão apurando as circunstâncias, autoria e motivação do homicídio.

O sepultamento de Fal Silva está marcado para as 9h de domingo (26), no cemitério do bairro Gleba H, em Camaçari.

Compartilhe Isso
- Advertisement -