Dilma indica Rodrigo Janot para novo procurador-geral da República

Por Redação
1 Min
Janot liderava a lista tríplice encaminhada pela Associação Nacional dos Procuradores à presidente | FOTO: Reprodução |
Janot liderava a lista tríplice encaminhada pela Associação Nacional dos Procuradores à presidente | FOTO: Reprodução |

 

A presidente Dilma Rousseff indicou no sábado (17) Rodrigo Janot para ser o novo procurador-geral da República, e suceder Roberto Gurgel, que deixou o cargo nesta semana após quatro anos de mandato. Janot liderava a lista tríplice encaminhada pela Associação Nacional dos Procuradores à presidente. De acordo com nota divulgada pela Presidência da República, Dilma Rousseff “considera que Janot reúne todos os requisitos para chefiar o Ministério Público com independência, transparência e apego à Constituição”.

Continua depois da Promoção

 

Janot é subprocurador-geral desde 2003. Procurador da República desde 1984, é mestre em direito pela Universidade Federal de Minas Gerais, com especialização em direito do consumidor e meio ambiente pela Escola Superior de Estudos Universitários de S. Anna, na Itália. Foi presidente da associação dos procuradores entre 1995 e 1997 e integrou a lista tríplice de 2011.

Compartilhe Isso
- Advertisement -