Rascunho automático

Astrônomos detectam planeta órfão a 100 anos luz.

Por Redação
1 Min


Equipes de astrônomos localizados nos territórios do Chile  e  Havaí, fizeram um pronunciamento a comunidade astronômica de que acharam um planeta que vaga sem rumo pelo universo.

Continua depois da Promoção

Conhecido como planetas “interestelares”, esses pedaços de rocha vagam através do vasto cósmico sem ter nenhuma ligação gravitacional com nenhum outro corpo celeste, tão pouco com sistemas solares.
Localizado há 100 anos luz de nosso planeta, especialistas afirmam que esse evento é relativamente comum no espaço embora seja exótico, devido a grandes explosões de estrelas super-massivas (super nova) dos quais esses planetas que não foram destruídos pela explosão, sucumbiram a vagar pelo espaço-tempo de nosso universo.
No entanto o processo de descobrimentos dessas “ilhas” ambulantes seja algo altamente difícil de detectar, pelo fato de que planetas não emitem luz própria e serem relativamente muito pequenos para ser identificados na vastidão do universo.
Agora os cientistas estudam a possibilidade de estudar planetóides sem a influência gravitacional de sistemas solares, e com isso tentar compreender melhor a formação natural desses imensos planetas rochosos.

TAGGED: ,
Compartilhe Isso
- Advertisement -