Vereador fica chocado com número de analfabetos em S.F do Conde

Por Redação
2 Min

Vereador de S.F do Conde

Os problemas da cidade de São Francisco do Conde serviram de exemplo para Laís Abrano, Diretora do Escritório da Organização Internacional do Trabalho no Brasil (OIT-Brasil), comparar as altas cifras que a cidade arrecada com o pouco investimento na responsabilidade social no municipio.

Continua depois da Promoção
Em seminário realizado pela Petrobras na manhã de hoje (9), na cidade do Rio de Janeiro, sobre Responsabilidade Social, a pesquisadora relatou que a cidade de São Francisco do Conde, mesmo obtendo maior renda per capita e maior recardação de royotes do país tem um dos piores IDH’s (Índice de Desenvolvimento Humano) do Brasil.
Laís apontou que 13% da população de São Francisco do Conde é analfabeta, 45% da Juventude está desempregado, sendo que as mulheres aumentam o número em 60% sem ocupação, dentre outros números de relevância. As informações surpreendeu o vereador Anisvaldo Daltro (PT) de Madre de Deus, que acompanhava o seminário.
“Levei um susto com aqueles tristes números. Aquilo me fez enxergar que nós vereadores temos muita responsabilidade com a comunidade em que vivemos. Vou levar esse tema para Madre de Deus e buscar alternativas de driblar essa carência de responsabilidade social”, prometeu Daltro.
O seminário sobre responsabilidade Social e Direitos Humanos aconteceu no Centro de Pesquisa da Petrobrás, no Rio de Janeiro. Cerca de 500 pessoas participaram do encontro.

Uilson Victor

Compartilhe Isso
- Advertisement -