Pesquisadores encontram medicamento que pode salvar mulheres vítimas da Covid-19; “surpreendente”

0
Foto: ilustrativa/Pexels

Um estudo produzido pela Universidade de Minnesota, nos Estados Unidos, concluiu que o uso de um antidiabético pode reduzir as mortes em mulheres com a Covid-19 e em estado grave. Os resultados ainda serão analisados por outros médicos para que possa ser confirmada a diminuição da taxa.

Os autores ressaltaram que diabetes e obesidade são comprovadamente agravantes para pacientes com a doença, mas as mulheres que faziam uso da metformina se recuperaram de 21% a 24% melhor do novo coronavírus. Os pesquisadores perceberam que o medicamento inibe o TNT-alfa, que marca o grau de inflamação do paciente, sendo que a covid-19 é marcada por um quadro inflamatório – o que foi associado a uma diminuição de mortalidade.

O estudo foi publicado em revistas cientifícas como a MedRxiv no sábado (20/6). Cerca de 6.000 pacientes com obesidade e diabetes, sendo mais da metade do sexo feminino. Entre eles, 2.000 estavam tomando a metformina, um dos medicamentos mais usados no tratamento do diabetes tipo 2.

Os pesquisadores ressaltaram que o estudo é preliminar e testes clínicos formais ainda serão necessários. Christopher Tignanelli, médico e um dos autores, disse que o resultado foi “surpreendente”.

Segundo ele, quatro estudos menores já haviam apontado evidências de que o medicamento poderia ajudar na recuperação de pacientes. “Se pudermos entender a diferença do vírus entre homens e mulheres e o que realmente impulsionou esse resultado, isso nos apresenta uma linha de tratamento que podemos realmente seguir”, afirmou.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

Secured By miniOrange