Acompanhe as últimas notícias da Cidade de Candeias na Bahia com credibilidade na informação sobre política, esportes e ações policias da região.

Macron levanta possibilidade de internacionalizar a Amazônia

Foto: Bertrand Guay / AFP

O presidente da França, Emmanuel Macron, afirmou na última segunda-feira (26), que está “em aberto” o debate sobre a internacionalização jurídica da floresta. A declaração foi dada em entrevista coletiva no último dia do encontro do G7.

De acordo com Macron, ONGs e atores jurídicos internacionais “levantaram a questão de saber se é possível definir um status internacional da Amazônia”. Entretanto, a declaração dada pelo presidente francês gerou dúvidas. O mandatário usou a palavra “statut”, que pode significar “status” ou “estatuto”, o que mudaria o sentido da fala.

O governante francês ainda disse que a ajuda prometida pelos países do G7 respeitará a soberania dos nove países amazônicos, mas construindo uma governança que inclua diferentes atores. “Devemos construir uma iniciativa que permitirá reflorestar a Amazônia, mas que seja respeitosa da soberania de cada um, do papel das regiões”, afirmou.

O governo de Jair Bolsonaro reagiu às declarações de Macron. O porta-voz Otávio do Rêgo Barros descartou o debate sobre a internacionalização jurídica da floresta. “Sobre a Amazônia brasileira falam o Brasil, as suas Forças Armadas e, mais do que o Brasil e suas Forças Armadas, a sua sociedade, que são suas forças armadas não fardadas”, disse, após uma reunião com Bolsonaro no Ministério da Defesa.

Em posicionamentos contrários ao do governo brasileiro, nações como Chile e Colômbia se colocam a favor de um pacto global a favor da floresta e querem levar o debate para a Assembleia-Geral da ONU, que acontece em setembro

  1. Marcos Soares
    Marcos Soares Diz

    Esse é um comediante nato.

  2. Gildalita Souza
    Gildalita Souza Diz

    É o que Esses Países de primeiro mundo mais desejam! Com essas ONGs disfarçadas de protetora das florestas e recursos naturais da Amazonia! Para onde Será que foram os 700 quilos de Ouro, roubados, as pedras preciosas tb? Ouro extraídos dos Garimpos da Amazônia.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.