Baianos vencem no boxe e disputam a medalha de ouro em Tóquio

0
Foto: Reprodução

Os baianos Hebert Conceição e Beatriz Ferreira conquistaram, na madrugada desta quinta-feira (5), mais uma vitória nos ringues e estão garantidos nas finais de suas respectivas categorias do boxe olímpico.

Beatriz Ferreira, de 28 anos, venceu a finlandesa Mira Potkonen em decisão unânime, na categoria até 60 kg, por 5 a 0. Essa é a primeira vez na história que o Brasil tem uma mulher numa final do boxe olímpico.

Depois de Bia garantir o feito histórico, Hebert Conceição também deixou a sua marca na história do esporte nos Jogos Olímpicos. O baiano se classificou à final do peso médio (até 75 kg) ao derrotar o russo Gleb Baksh, atual campeão mundial, por 4 a 1. Pela primeira vez o país terá representantes em duas finais na mesma edição das Olimpíadas.

Hebert Conceição vai enfrentar o ucraniano Oleksandr Khyzniak na final, marcada para a madrugada de sexta para sábado às 2h45 (horário de Brasília).

Na madrugada de sábado para domingo às 2h (horário de Brasília), é a vez de Bia disputar o ouro contra a irlandesa Kellie Anne Harrington, que venceu Sudaporn Seesondee por decisão dividida nas semifinais.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.