MP de SP faz proposta para Gabigol pagar 100 salários mínimos para se livrar de processo

0

O Ministério Público de São Paulo sugeriu que o atacante do Flamengo, Gabigol, pague 100 salários mínimos ao Fundo Municipal da Criança e do Adolescente em contrapartida pela anulação do processo a que ele poderia responder por descumprimento as medidas de isolamento social contra a Covid-19.

O jogador, junto com o funkeiro MC Gui, foi flagrado na madrugada deste domingo (14) em um cassino de luxo em São Paulo. Uma operação da Polícia Civil fechou o estabelecimento, que tinha mais de 200 pessoas jogando. Além de ilegal — jogos de azar são proibidos no Brasil —, o cassino desrespeitava o decreto estadual que proíbe festas e aglomerações durante a pandemia do coronavírus.

A proposta foi feita pela promotora Regiane Vinche Zampar Guimarães Pereira e ainda passará por análise do Juizado Especial Criminal (Jecrim) do Foro Central da cidade de São Paulo.

Caso aceite, Gabigol pode se livrar do risco de pegar pena de um mês a um ano de detenção com multa. Ele está sendo investigado em um procedimento instaurado no Jecrim pela contravenção de jogo de azar e pelo crime de infração a medida sanitária preventiva.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

Secured By miniOrange