Anitta é exposta após “pisar na bola” com projeto social; entenda

0

Quem vê Anitta engajada, ao menos nas redes sociais, com ações sociais, não imagina que um projeto social tem tido dor de cabeça com a artista. Nos últimos dias, a turma do Favelagrafia, projeto idealizado em 2016 por nove fotógrafos, foi surpreendida por uma atitude, no mínimo irresponsável, da cantora.

Ao anunciar, através das redes sociais, sua participação no festival Coachella, nos Estados Unidos, a Poderosa utilizou uma foto do projeto sem autorização. A imagem compartilhada no perfil oficial da cantora no Instagram, sem contato prévio e nem crédito ao fotógrafo, gerou insatisfação.

A foto que ficou mundialmente famosa por mostrar garotos com os rostos cobertos, numa alusão ao tráfico de drogas, mas que carregam instrumentos musicais ao invés de armas, teria sido usado indevidamente pela terceira vez. A “denúncia” foi feita por André Havt, um dos idealizadores do projeto.

“Quando a Anitta postou uma vez, foi: ‘pô, que legal. A Anitta postou’. Postou pela segunda vez a foto ligando a divulgação dela no Coachella e depois postou uma terceira vez. Então, já dá para pedir música até no Fantástico. Ela postou a terceira vez e falamos: ‘aí, não, né!’. Já não é um caso de curti a foto e estou postando. Ela está usando a foto para divulgar a presença dela no show do Coachella”, disse ao site Metrópoles.

“Quando a Anitta postou uma vez, foi: ‘pô, que legal. A Anitta postou’. Postou pela segunda vez a foto ligando a divulgação dela no Coachella e depois postou uma terceira vez. Então, já dá para pedir música até no Fantástico. Ela postou a terceira vez e falamos: ‘aí, não, né!’. Já não é um caso de curti a foto e estou postando. Ela está usando a foto para divulgar a presença dela no show do Coachella”, disse ao site Metrópoles.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.