INSS: greve de peritos terça (8) e quarta (9) pode atrasar até 50 mil perícias

0
© Marcelo Camargo/Agência Brasil

Médicos peritos do INSS (Instituto Nacional do Seguro Social) convocaram uma greve nacional para esta terça-feira (8), e quarta-feira (9). No último dia 31, quando os profissionais também cruzaram os braços em protesto contra o governo, foram afetadas 25 mil perícias, de acordo com estimativa da Associação Nacional de Médicos Peritos (ANMP). Em dois dias, esse número pode chegar a 50 mil.

Os médicos peritos exigem, em ofício enviado ao ministro do Trabalho e Previdência, Onyx Lorenzoni, uma recomposição salarial de 19,99%, relativa às perdas com a inflação de 2019 a 2022, a fixação do número máximo de 12 atendimentos presenciais como meta diária e a realização imediata de concurso público. Segundo a ANMP, a falta de servidores chega a 3 mil.

“Apesar das promessas feitas pelo Ministro de Estado, nenhuma ação foi tomada pela autoridade máxima do órgão e a situação caótica que assolava a categoria não apenas se manteve, como foi profundamente agravada”, diz um trecho da nota da entidade.

A entidade afirma, ainda, que pode haver a deflagração de uma greve geral dos médicos peritos do INSS no País caso o diálogo com o governo não avance.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.