Asteroide do tamanho de um ônibus passou próximo à Terra

Por Redação
2 Min

Na manhã de terça-feira, 4 de junho, um asteroide do tamanho de um ônibus, denominado 2024 KA2, esteve em uma proximidade tão íntima com a Terra quanto a Lua, poucos dias após ter sido descoberto. Com um diâmetro que varia de 7 a 16 metros, o asteroide foi detectado em 31 de maio de 2024 pela Panstarrs Survey. A maior abordagem ocorreu às 10h46, horário de Brasília, aproximando-se a somente 349 quilômetros de nosso planeta.

Para efeitos comparativos, a distância média da Lua é de 348,4 quilômetros, o que coloca o asteroide apenas a alguns metros mais distante. De acordo com a JPL, a última observação do asteroide ocorreu em 3 de junho, um dia antes de sua maior aproximação com a Terra. Em uma captura remota de 300 segundos realizada com o equipamento Celstron C14 + Paramount ME + SBIG ST8-XME, foi possível rastrear o 2024 KA2 a uma distância de 820 mil quilômetros.

Objetos Próximos à Terra, como o asteroide 2024 KA2, são categorizados com base em sua proximidade ao nosso planeta. Para serem considerados NEOs (Near-Earth Objects), sua maior abordagem ao Sol deve ser inferior a 1,3 unidades astronômicas. Acredita-se que existam aproximadamente 20 mil desses objetos em nossa vizinhança, muitos dos quais foram expulsos do Cinturão de Asteroides, localizado entre Marte e Júpiter, devido à influência gravitacional desses planetas.

Apesar do grande número de NEOs, nem todos representam ameaças à Terra. A NASA define como potencialmente perigosos aqueles objetos que se aproximam até 7,5 milhões de quilômetros de distância e possuem mais de 140 metros de diâmetro. Atualmente, 2.350 asteroides foram identificados como potencialmente perigosos, mas nenhum deles está previsto para colidir com nosso planeta nos próximos anos. No entanto, medidas preventivas estão sendo consideradas pela humanidade caso surja uma nova ameaça astronômica que exija ação imediata.

Compartilhe Isso
- Advertisement -