Lei Orçamentária Anual 2021 de Salvador passa por última audiência antes da votação na Câmara Municipal

0
divulgação / CMS-Salvador

A Lei Orçamentária Anual (LOA) para a gestão do novo prefeito em 2021 passará na próxima terça-feira (24), às 09 horas, pela última audiência pública para revisão do texto antes de ir para votação na Câmara Municipal de Salvador. A ocasião será comandada pelo presidente da Comissão de Finanças e Orçamento da Casa Legislativa, vereador Joceval Rodrigues (Cidadania).

A reunião acontecerá via Zoom e será transmitida pelos canais de comunicação da Câmara. Participarão a diretora-geral de Orçamento da Prefeitura de Salvador, Ana Nery, membros da Casa Civil e vereadores da comissão que estão analisando a proposta que versa no orçamento municipal para o próximo ano estimado em R$ 8.030.970.000,00 (oito bilhões, trinta milhões e novecentos e setenta mil reais).

Joceval destaca que, apesar da incerteza do ano em que a pandemia da Covid-19 afetou o modus operandi do curso financeiro da Prefeitura, tudo foi analisado para que a cidade siga progredindo. “Temos grandes obras a serem executadas como o BRT e saneamento da bacia do Mané Dendê, no subúrbio, mas acima de tudo analisamos como dar suporte para que a economia possa girar com o emprego, subsídio especial para o turismo e aos empresários tão afetados com a crise sanitária que abateu o mundo este ano”, detalhou.

A peça orçamentária diz que a composição das receitas para 2021 manteve o perfil habitual, onde as receitas correntes, originárias de arrecadação própria ou transferências constitucionais e legais, figuram com a maior representatividade. A proposta estima para essa categoria R$ 6,7 bilhões, equivalendo a 84% da receita total, dos quais R$ 2,7 bilhões são tributos e taxas de arrecadação direta do município.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

Secured By miniOrange