ACM Neto anuncia retorno de bares, restaurantes e academias em Salvador

O protocolo de reabertura da chamada fase 2, que deve acontecer até a próxima semana.

0
Foto: divulgação/PMS

O prefeito de Salvador ACM Neto, apresentou nesta quarta-feira, o protocolo de reabertura da fase 2, que deve acontecer na próxima semana, caso a taxa de ocupação dos leitos de UTI esteja com 70% ou menos. Estão inclusos academias, salões de beleza, museus, galerias de arte, bares e restaurantes.

“Estamos quase que completando duas semanas da ativação da primeira fase, e até agora o que a gente vem observando é um comportamento muito seguro para a dinâmica da cidade pós início da reabertura. Quando a gente olha os números de casos novos, principalmente a situação das UPAs, regulando cada vez menos, […] mostra que a retomada das atividades não teve nenhum efeito negativo nos números da capital”, disse.

Segundo as regras, as academias só poderão funcionar de segunda a sábado, com horário definido pelo estabelecimento. Será permitida a realização de atividades individuais e coletivas com marcação no solo. O usuário, porém, só poderá ficar no local por até 1h, além de usar sempre a máscara de proteção individual. As academias de condomínio estarão liberadas, seguindo a mesma regra das academias comerciais. Atividades coletivas precisarão ter demarcação no solo e afastamento de 2 metros e alunos em equipamentos devem cumprir distância de 1,5 m. Fica proibido o uso de piscina.

Os salões de beleza terão horário específico para funcionar em toda a cidade: de segunda a sábado, das 10h às 19h. O atendimento será individual e sempre com agendamento de horário. Só serão permitidos acompanhantes que estejam responsáveis por crianças, idosos e pessoas com deficiência. A higienização dos equipamentos usados pelos profissionais precisa ser realizada e o intervalo de, no mínimo, 15 minutos entre dois clientes, terá que ser respeitado.

Os bares, restaurantes, pizzarias, sorveterias e similares vão poder funcionar de segunda a domingo, de 12h às 23h. Já as lanchonetes podem abrir das 7h às 16h. Atendimento presencial será à la carte ou buffet com funcionário para servir.

Com isso, não terá self service no primeiro momento. Também não será permitido rodízio neste primeiro momento. A máscara só poderá ser retirada no momento da alimentação e a fiscalização fica a cargo do próprio estabelecimento.

Fica proibido qualquer tipo de evento nestes espaços. O cardápio precisará ser digital ou plastificado e, depois da utilização do cliente de cada mesa, devidamente higienizado. Delivery e retirada continuam funcionando normalmente, com horário a ser definido pelo próprio estabelecimento.

O afastamento deverá ser de 2 metros entre mesas e 1 metro entre cadeiras de mesas diferentes, com máximo de seis pessoas por mesa.

Os centros culturais e galerias de arte. Todos deverão operar com 30% da capacidade, devendo abrir às 10h e fechar às 16h de segunda a sábado, sem restrição no domingo. A venda de ingressos deverá ser preferencialmente virtual. Caso seja gratuita a visitação, o agendamento precisará ser feito de forma online. Fica proibido, ainda, o uso das visitas guiadas e exposição de obras interativas.

Nos shoppings, fica permitida a abertura das praças de alimentação, mas com limitação de 50%, assim como salões de beleza e outros estabelecimentos que foram permitidos na segunda fase para toda a cidade. Como regra geral, só poderão utilizar os espaços após checagem da temperatura corporal.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

Secured By miniOrange