Madre de Deus: Sindicato questiona decisão e veto de emendas deve ser derrubado

0


A diretoria do (SINDIMADRE), Sindicato dos Servidores Públicos, de Madre de Deus, localizado na região metropolitana de Salvador, realizou na manhã desta quinta-feira (27), uma reunião para discutir a decisão do prefeito do município Dailton Filho (PSB), onde vetou cerca de seis emendas na ( LOA), Lei Orçamentária Anual e o Plano Plurianual ( PPA), para o ano de 2022, aprovado pela câmara de vereadores no dia 18 desse mês.

Entre as emendas vetadas, estão: A atualização das referencias, correção no índice da inflação, além dos 30% de periculosidade dos vigilantes, dentre outras.

Após o encontro, os diretores do órgão sindical, decidiram que na próxima terça-feira 1º de fevereiro, haverá uma assembleia ás 09h, no Clube Minimosine, situado no centro da cidade, onde serão discutidos os seguintes itens: Mobilização para a derrubada do veto as emendas que foram incluídas na LOA e no PPA, aprovadas pelos os vereadores, dentre outros assuntos. Em seguida, os trabalhadores sairão com destino a Câmara, onde irão participar da volta dos trabalhos no legislativo municipal.

Segundo um leitor do Portal Madre Notícias, com influencia na prefeitura e câmara de vereadores, que preferiu não ser identificado, o veto do prefeito Dailton Filho, ás seis emendas incluídas na LOA, deve ser derrubado na sessão ordinária que será realizada da próxima terça-feira (1º). Ainda segundo a fonte, o legislativo já conta com maioria dos parlamentares para a derrubada do veto, mais não quis revelar quem são os edis que compõe a base governista, que irão votar contra a decisão do veto.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.