Coronavírus: Brasil tem 600 mortes em um dia e chega a 7.921 óbitos registrados

Na segunda-feira, o total de infectados chegava a 107.780, com 7.321 mortes confirmadas

0
Foto: Agência Brasil

O número de óbitos decorrentes do novo coronavírus bateu mais um recorde nesta terça-feira, com 600 registros incluidos no sistema do Ministério da Saúde nas últimas 24 horas. Com isso, o Brasil chega a 7.921 mortes até o momento. Já o número de pessoas diagnosticadas com a Covid-19 no país subiu para 114.715, com 6.935 novos casos notificados de ontem para hoje. Os dados foram divulgados na noite desta terça-feira. Segundo os dados do Ministério da Saúde, nos últimos sete dias foram registradas 2.904 mortes. Nos sete dias anteriores, os óbitos contabilizados foram 2.276. O crescimento em 7 dias é de 27,5%.

No último balanço consolidado do governo, na segunda-feira à noite, o total de infectados chegava a 107.780, com 7.321 mortes confirmadas.

Dos 600 óbitos, 25 ocorreram nesta terça-feira, 51 ontem, e 41 no domingo. O restante foi anterior a esse período e estava em investigação, só sendo notificado agora, afirmou Wanderson Oliveira, secretário de Vigilância em Saúde, em coletiva de imprensa.

Pandemia: Os números do coronavírus no Brasil e no mundo

– Não são 600 óbitos que ocorreram nas últimas 24 horas. Quero reforçar isso. São 600 pessoas, algumas já tinham falecido lamentavelmente em decorrência do coronavírus e estavam em investigação – explicou.

Antes da divulgação dos números, o presidente Jair Bolsonaro afirmou em entrevista no Palácio do Alvorada que deveria haver uma redução das mortes, o que significaria que “o pior já passou”.

– Todo mundo tá sofrendo, o mundo tá sofrendo. Nós estamos sofrendo com mortes aqui, mas nós temos que enfrentar isso aí. Eu não sei se hoje caiu o número de mortes, foi menor do que ontem, eu não sei ainda, mas se foi, vai ser o sexto dia, se não me engano, consecutivo de queda no número de mortes. É um sinal de que o pior já passou. Peço a Deus para que isso seja verdade e vamos voltar à normalidade – disse o presidente.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

Secured By miniOrange