Energia eólica na Bahia em destaque no fórum nacional de energia.

Por Redação
3 Min

No Rio de Janeiro, nesta quinta-feira (11), o governador Jerônimo Rodrigues foi um dos convidados do primeiro dia do Fórum Brasileiro de Líderes em Energia promovido pela Forbes Brasil em parceria com a Dominium Produções. Diante da plateia de executivos, lideranças empresariais e especialistas do mercado, o governador destacou o desempenho expressivo da Bahia e o potencial que o estado possui para ampliação da geração de energias limpas.

Abordando o papel social e econômico dos empreendimentos de geração de energia, Jerônimo ressaltou o cenário baiano e os números que expressam a capacidade do estado no setor. “Um terço da energia eólica gerada pelo Brasil é produzida na Bahia. E uma das respostas mais importantes que devemos dar a momentos como esse fórum é o nosso interesse em construir uma agenda, uma pauta favorável à transição energética. É fundamental a nossa responsabilidade nesse processo.”

Com o tema “Transição Energética e COP 30 – O que os Estados podem oferecer?”, o painel foi moderado por Marcelo Moraes, CEO Fórum Brasileiro de Líderes em Energia e contou também com a participação da governadora do Rio Grande de Norte, Fátima Bezerra, e de Felipe Peixoto, secretário estadual de Energia e Economia do Mar, do Rio de Janeiro.

A governadora destacou o papel decisivo da Região Nordeste no cenário de geração de energia de fontes renováveis no Brasil. “O Nordeste cumpre uma função do ponto de vista econômico e social que é, inclusive, de suprir a escassez de energia de outras regiões”, declarou Fátima Bezerra.

Cerca de 200 CEOs das maiores empresas de energia do Brasil estão reunidos no evento que segue até a sexta-feira (12), discutindo e incentivando investimentos robustos em energia renovável, principalmente eólica (on e offshore), fotovoltaica, biogás e hidrogênio verde. Parlamentares e governadores de outros estados também estão entre os convidados para a sequência de painéis.

A Bahia é um dos estados líderes na geração de energia das fontes eólica e solar, com quase 10GW de eólica instalados e mais de 2GW de solar. Com a projeção dos empreendimentos já em implantação, o estado chegará brevemente aos 50GW de capacidade instalada dessas duas fontes.

A matriz elétrica da Bahia já é 93% renovável em termos de capacidade instalada, apresentando a maior participação de fonte eólica, com 49%. Na geração de energia, a contribuição das fontes renováveis chega a ultrapassar 95% entre os meses de abril e setembro, período com ventos mais fortes.

Por fim, o texto é de autoria de Eudes Benício, do GOVBA.

Compartilhe Isso
- Advertisement -