SDE celebra lançamento do Atlas de Hidrogênio Verde da Bahia

O documento, apresentado durante a COP28, é o primeiro do gênero do mundo

Redação Redação 13460 vistos
3 Min

O Governo do Estado, em parceria com a Federação das Indústrias do Estado da Bahia (FIEB), através do Senai CIMATEC, lançou neste sábado (02) o primeiro Atlas de Hidrogênio Verde do Mundo. O ato aconteceu no stand da Confederação Nacional da Indústria (CNI), na Conferência das Nações Unidas sobre as Mudanças Climáticas (COP28), em Dubai, nos Emirados Árabes. O documento apresenta um mapeamento detalhado das potencialidades para a produção de hidrogênio verde no Estado, explorando recursos renováveis para sua geração, consolidando a Bahia como referência global no setor de energias limpas.

Presente na comitiva baiana na COP28, o secretário de Desenvolvimento Econômico, Angelo Almeida, destacou o potencial da Bahia. “O Atlas de Hidrogênio Verde é um passo significativo para o desenvolvimento sustentável. Ele posiciona a Bahia como um líder na transição para uma economia de baixo carbono, abrindo portas para investimentos verdes e oportunidades de emprego na região. Esta iniciativa reforça nosso compromisso em mitigar os impactos das mudanças climáticas e promover soluções inovadoras para um futuro mais sustentável”, disse.

O gestor também falou sobre os Atlas Eólico e Solar, que contribuíram para a consolidação do estado na liderança da produção de energia renovável. “Não posso deixar de registrar a emoção muito grande, quando os nossos ex-governadores, Jaques Wagner, que foi responsável pelo Atlas Eólico, e Rui Costa, responsável pelo Atlas Solar, juntos com o Governador Jerônimo Rodrigues, entregaram aqui em Dubai, na COP28, o Atlas do Hidrogênio Verde, o combustível do futuro. A Bahia e o Brasil pautaram esse momento e a gente tem muito orgulho de estar participando ativamente deste processo”, concluiu, destacando o papel dos demais órgãos envolvidos. “É importante também agradecer ao presidente da CNI, Ricardo Alban, ao presidente da FIEB, Carlos Henrique Passos, e a toda equipe do sistema”, finalizou.

A comitiva do Governo do Estado na COP também conta com a presença do secretário do Meio Ambiente (Sema), Eduardo Sodré; e do superintendente de Atração de Investimentos da SDE, Paulo Guimarães.

Compartilhe Isso
- Advertisement -